• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
  • Rádio Trabalhador
MENU

Servidores públicos de Goiás seguem para manifestação em Brasília

Segurança Pública diz não à Reforma da Previdência

Publicado: 21 Maio, 2019 - 10h50 | Última modificação: 21 Maio, 2019 - 11h37

Escrito por: PRF e Maísa Lima

PRF
notice
Comboio de ônibus e veículos de passeio que seguem pela BR-060

Cerca de 400 servidores goianos de 17 categorias ligadas à segurança pública saíram de Goiânia com destino a Brasília (DF) na manhã desta terça-feira (21) para uma manifestação contra a proposta de reforma da Previdência apresentada pelo Governo Federal. O grupo segue em dezenas de ônibus e automóveis pela BR-060.

O movimento é nacional e está marcado para iniciar por volta de meio dia na Esplanada dos Ministérios.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) alerta aos motoristas que utilizam a BR-060 para que redobrem a atenção no trecho entre Goiânia e Brasília em virtude do comboio de ônibus e veículos de passeio que seguem na via. O grupo segue sem provocar congestionamentos e o trânsito flui normalmente.

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) tem alertado que proposta de reforma da Previdência de Jair Bolsonaro (PSL) pode mudar drasticamente os planos dos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. Para a grande maioria, os que começam a trabalhar mais cedo, ganham menos e ficam grandes períodos sem carteira assinada é pior ainda. Para esses, a reforma representa o fim do sonho da aposentadoria.

A ameaça para a classe trabalhadora é tão grande que todas as centrais sindicais estão convocando uma Greve Geral para 14 de junho contra a malfadada reforma.