• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Dieese mostra descalabro econômico que premia rentistas e pune trabalhadores e setor produtivo

Economista Leila Brito é entrevistada pelo Antena Ligada

Publicado: 13 Abril, 2018 - 13h20

Escrito por: Maisa Lima, assessora de Comunicação da CUT Goiás

notice

A coordenadora técnica do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) em Goiás, a economista Leila Brito, foi entrevistada nesta sexta-feira (13) pelo programa Antena Ligada da Rádio Trabalhador (RT) - www.radiotrabalhador.com.br -, que vai ar de segunda a sexta, das 10 às 11 horas.

Ao jornalista Roberto Nunes e aos ouvintes da RT, Leila explicou que a baixa inflação atual - cerca de 2,70% - ocorre porque a economia brasileira está desaquecida. "Com isso o setor produtivo e a classe trabalhadora são penalizados e os rentistas comemoram. Tal situação só aumenta a desigualdade no País", lamenta a economista.

A coordenadora técnica do Dieese-GO também se mostrou preocupada com o grande número de desempregados  (13 milhões de pessoas) e de subutilizados (13 milhões). Por subutilizados entenda-se aqueles que estão vivendo de bico e na informalidade. "São pessoas que estão à margem do consumo e que também deixaram de contribuir com a Previdência Social", salientou.

Controle social

Também participou do Antena Ligada, por telefone, a presidenta do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (Sintego), Bia de Lima. Ela falou direto do Encontro de Conselheiros e Membros de Foruns de Educação, que reúne cerca de 200 pessoas nesta sexta-feira no Plaza Inn Augustus Hotel, em Goiânia (GO). "No entendimento do Sintego, o papel de fiscalização e controle social precisa ser melhor aproveitado para garantir a real aplicação dos recursos públicos na escola pública", afirmou.

Para tanto, o Sintego busca, através desse encontro, qualificar melhor seus representantes nos diversos conselhos em que atua. "É uma oportunidade para cada um e cada uma compreender o seu papel, a importância dele e cumprir plenamente sua função de conselheiro(a)", finalizou Bia.

carregando